Tosquiadela #3: Moreirense

1. Eu acredito.
2. Eu acredito.
3. Eu acredito.
4. Eu acredito.
5. Eu acredito.
6. Eu acredito.
7. Eu acredito.
8. Eu acredito.
9. Eu acredito.
10. Eu acredito.
11. Eu quero acreditar, mas isto não está fácil.

2º Classificado, 6 pontos, 7 golos marcados, 3 sofridos. Próximo Jogo: Belenenses (C)

"Não se é campeão jogando com putos da formação"

Este post é motivado por um comentário de um seguidor da página facebook do Cabelo. Ele reproduz um argumento que tem sido repetido para justificar este início de época do Benfica : o da aposta nos jovens. Digo desde já, para não ser injusto com ele, que este não é o seu único argumento. Mas vou reduzir o meu post a este ponto porque não são poucas as vezes que leio pessoal a dizer que a aposta nos jovens é um problema.

Eu fico pasmado como tal argumento pode ser apresentado. Dou por mim a pensar se o pessoal vê o jogo mas não tem consciência de quem está no relvado com o manto sagrado vestido. Vejamos o onze de hoje. Quantos jovens foram titulares? Um, apenas um. O Semedo. De resto tinhamos J. César, Luisão, Eliseu, Gaitan, Jonas e Mitroglou que não têm propriamente 20 aninhos. Mais! tivemos ainda o Lisandro, Pizzi e Samaris. Ola John, com 23 anos, tendo em conta a experiência profissional que tem, passou há muito o estado de jovem... e contudo o pessoal afirma : "Não se é campeão com uma equipa de jovens." A sério?!? Mas vêem os jogos?!? Qual é a razão deste discurso?




O motivo desta conversa é evidente : pessoal que ainda não fez o luto do Jesus. Pessoal que continua a utilizar os mesmos argumentos que utilizava para desculpar Jesus e, sobretudo!, o argumento que subentende que os miudos da formação não têm qualidade para serem lançados. Porque, na realidade, era isto que Jesus afirmava quando dizia que tinham de nascer 10 vezes e é isto que os seus adoradores afirmavam (e continuam a afirmar!!) sem pensar duas vezes no que estavam/estão a dizer, sem se darem conta que estavam/estão a denegrir jogadores do Benfica, com anos de Benfica e que, alguns!, tinham/têm tudo para dar muito (e não falo de dinheiro) ao Benfica.

Eu pergunto : o Semedo não tem qualidade? Onde é que o Benfica perdeu com a saida do Maxi e a entrada do Semedo no onze? Com certeza não foi nos cuidados com as suas costas porque essa foi sempre a lacuna do Maxi. Eu digo que a aposta nos jovens está ainda para ser feita. Mas uma aposta inteligente, uma aposta que lance jovens de qualidade. Semedo é claramente uma boa aposta. Victor Andrade também. E espero que Guedes faça por merecer jogar.

É isto que assusta o pessoal? Três miudos a terem minutos onde apenas um é titular? Será isto razão suficiente para repetirem vezes sem conta que "não se é campeão jogando com miudos da formação"? Se o problema do Benfica neste inicio de época fosse apenas ESTA aposta nos jovens, estaria o Benfica muito bem.

Mais um títelo pra o seporting

Primeira equipa em 2015/16 a apedrejar árbitres.



Benfica, benfica e sempre o BENFICA

É a única explicação que encontro para este tipo de jornalismo.

Jogam os dois adversários do BENFICA, que só entra em campo amanhã, mas quem faz as manchetes?
Claro - o Zuculini.
Quem?
ZUCULINI?
Mas, ao que parece, o BENFICA desmente tais informações.

Parece-me que só a vontade de vender jornais, à custa do dinheiro das pessoas que gostam do BENFICA, justifica tanta incompetência.


Tosquiadela#1: Estoril

(imagem do site oficial do BENFICA)
Aí está o nosso campeonato, a prova que, verdadeiramente, importa.
Cumprindo uma tradição de muitos anos, lá estive, em nossa casa, para fazer a minha parte. Confesso que não foi fácil, porque a companhia, pouco atenta à bola, teimava em questionar tudo. De qualquer modo, do que vi, aqui ficam as minhas 11 notas:
 0 - Nota prévia: o SPORT LISBOA E BENFICA entrou em campo com Júlio César, Nelson Semedo, Lisandro e Luisão, Eliseu. Fejsa, Pizzi, Gaitan, Ola John, Mitroglou e Jonas.

1- O nosso IMPERADOR esteve fantástico. Se, na época passada, a sua entrada na equipa foi decisiva para o campeonato, parece-me que este ano, com o seu carisma e a sua qualidade poderá ser igualmente importante para ajudar a formar os jovens que começam a nascer. A vitória #1 chegou nas mãos do Júlio César.
2- Do lado direito esteve um menino que, na pré-época, tinha aparecido em grande. Nelson Semedo chegou ao onze do BENFICA com a responsabilidade de substituir um enorme Maxi Pereira que, como se está a provar a norte, é um dos melhores que por cá anda. E, não tremeu. O Nelson está ainda muito mal nos posicionamentos defensivos e há muitas fragilidades na forma como defende, mas isso, é a parte mais fácil, porque, com os dias, com o trabalho, aprende. O resto, a atitude e a qualidade estão lá. O golo que marcou sublinhou aquilo que ele foi - o melhor jogador do BENFICA, o único que, verdadeiramente, nos fazia levantar da cadeira. O puto tem alma e eu gosto disso.
3- Os centrais não são os melhores do mundo. No BENFICA, depois do Ricardo e do Mozer, nunca mais o foram. Mas, para a nossa liga tem que chegar. Prefiro o Jardel ao Lisandro, mas o Lisandro também não fica mal na fotografia. O Luisão continua a ser o líder. Do lado esquerdo, sendo eu o último gajo a defender o Eliseu, parece-me que não temos melhor. Se vier o Coentrão, perfeito. Se não vier, perfeito na mesma, fica o Eliseu.
4- Se Rui Vitória quiser continuar a usar o duplo pivot no meio-campo, na minha opinião, tem que apostar no Fejsa e no Samaris. E, se preferir apenas um destes, o Samaris tem que jogar. Acho que o Fejsa é o nosso melhor trinco, mas o Samaris é o nosso melhor médio. Eu jogaria com ambos, vestindo no Samaris as funções que eram do Enzo.
5- Ola John. Está encontrado o patinho feio. Não é o Salvio, nem o Markovic. Também não é - ninguém é - o Gaitan. Mas, parece-me que os Benfiquistas estão a exagerar. Gostava que o BENFICA tivesse uma alternativa melhor e até admito que seja um dos putos, mas não creio que a nossa atitude, assobiando, possa ajudar em alguma coisa. Se tem o Manto Sagrado vestido, para mim, dentro do campo, é o melhor do mundo.
6 - Gaitan: é mesmo o melhor do mundo. Mas, será que o Manchester vai demorar muito? Decidam-se pá...
7 - Mitroglou fez-me pensar no Cardozo, mas para pior. Para ser justo, vou valorizar o facto de ter sido ele o abre latas de um jogo que estava muito complicado.
8 - Jonas é o Jonas. Ele e o Gaitan têm aquele toque que transforma o quadrado dos outros, na mais esférica das bolinhas. É craque.
9 - Rui Vitória colocou em campo uma equipa que surpreendeu, mas que não funcionou. Ninguém teria ficado surpreendido se o Estoril tivesse marcado por uma ou duas vezes. Muito má a ligação dos sectores, as diferentes duplas completamente "desorientadas" e 70 minutos para esquecer.
10- Rui Vitória mexeu bem. Coisa que Jesus quase nunca fazia. Não teve medo, arriscou e ganhou. Se Talisca entrou bem, o Vitor Andrade veio fazer a diferença e, com o Nelson, fez um dupla que poderá funcionar. Muita tração, muita correria que poderá funcionar. Gostei muito dos últimos 20 minutos.
11- Cinquenta e três mil almas na Catedral depois do que se disse e escreveu é fantástico. São mesmo estes, os milhões que ninguém tem.
-----
1º Classificado, 3 pontos, 4 golos marcados, 0 sofridos. Próximo Jogo: Arouca (f)

Rumo ao 35


Cá estamos nós para mais uma época e este é o momento de todos os sonhos. Pelo menos, em casa dos nossos adversários. Por Contumil, à falta de melhor, vão enchendo as redes sociais com notícias sobre a esposa do Iker. Parece-me uma estratégia fantástica que irá conduzir a muitas páginas na Caras e na HOLA.
Do outro lado, de Alvalade, vem um mar cheio de esperanças, mas estou quase certo que a maternidade com aquele pai não irá dar grande coisa, pelo menos enquanto não se confirmar a existência da Madalena por aqueles lados (registe, caro leitor, a primeira tirada teológica desta época).
Quanto a Nós, SPORT LISBOA E BENFICA, parece-me que não estamos pior do que o ano passado, onde, como todos sabem, conseguimos vencer a Liga.
O nosso onze é melhor do que qualquer um dos nossos adversários - é a minha convicção, mas a isto, voltarei em breve. Por agora, apenas uma declaração de fé:
 - temos um calendário inicial favorável e tenho a certeza que temos o treinador certo. Confesso que até acredito mais nele do que na famosa estrutura. E, porque acredito no Rui, acredito que vamos chegar ao TRInta e cinco!